Existe uma ampla diversidade de roupas íntimas à venda no mercado, a sua escolha pode ser um fator determinante na sua saúde.

Não existem confirmações sobre sua origem precisamente. Mas, já foram encontradas evidências de que entre as culturas mais antigas a lingerie já era utilizada. Em 1922 na tumba no faraó egípcio Tutancâmon, do século XIV a.C., foram encontrados panos de linho que eram colocados sob a túnica.

Mas, esse tipo de especialidade só era permitida para alguns homens ou mulheres que possuíam algum favor perante à corte. Mas, a lingerie evoluiu conforme o tempo passa, por conta da economia, da indústria e principalmente da tecnologia.

Além disso, a lingerie se adaptou às necessidades e comodidades de acordo com o sexo e a área do corpo que receberá a lingerie.

Quais são os diferentes tipos de lingerie de algodão para o corpo?

1.    Lingerie de algodão para o tamanho exato do corpo

Existem lingeries para todo tipo de corpo, e é essencial saber o tamanho certo que você utiliza para que se sinta confortável e seja capaz de evitar qualquer tipo de complicação que possa vir a surgir.

Principalmente para o sutiã, que na hora da escolha é preciso saber o tamanho exato, o contorno e a forma da taça. Caso contrário, podem acabar causando dores nos ombros, nos seios, no pescoço e nas costas. Além disso, é preciso saber identificar se o modelo de sutiã escolhido, para evitar que ocorra a queda do seio precocemente.

Já para as calcinhas, caso sejam modelos muito justos, podem acabar afetando a saúde. Caso elas estejam fazendo pressão no estômago, podem causar acidez e refluxo no estomago, e se estiverem muito justas podem reduzir a circulação do sangue, causando dormência, irritação e formigamento.

2.    Lingerie de algodão para praticar exercícios físicos

Para praticar exercícios físicos o corpo acaba secretando o suor, caso as calcinhas sejam de seda, a umidade fica presa e isso pode acabar causando infecções vaginais.

A calcinha de algodão é extremamente indicada para isso, mas os materiais mais indicados são as microfibras, poliéster ou náilon. Mas, independente do material escolhido, a recomenda-se que a roupa íntima seja trocada rapidamente após o treinamento.

Essa é uma dica para evitar a umidade na região íntima e reduzir a possibilidade de surgimento de alguma infecção.

3.    Lingerie de algodão para a gravidez e amamentação

Por conta das mudanças que ocorrem durante a gestação, as mamas podem ficar doloridas e aumentar. Com isso, é recomendado o uso de sutiãs de algodão com alçar largas que permitam a distribuição uniforme do peso.

Além disso, os sutiãs de algodão para a amamentação não devem ter costura na região do bico do peito, para evitar que ocorra a fricção e fique roçando.

O que a lingerie de algodão deve proporcionar ao corpo?

1.    Comodidade e higiene

As lingeries de algodão são mais utilizadas para segurar o suor e outras secreções corporais e dessa forma, sendo utilizadas para prevenir o contato dessas secreções com a roupa de uso externo.

Sendo as calcinhas, sutiãs, cuecas e meias.

2.    Suporte

A lingerie de algodão faz parte de um sistema de estruturas, sejam metálicas ou com fibras têxteis, permitindo o suporte para as diferentes partes do corpo, seja feminino, masculino, da forma que desejarem.

3.    Estético

Com os avanços na tecnologia, e a ampla variedade de materiais, cores, desenhos e formas foram acrescentados na indústria da moda, até mesmo a roupa íntima e a lingerie.

Os avanços criaram uma roupa íntima própria que modelo e corrija o formado do corpo ou de uma determinada parte do corpo, até mesmo sendo utilizada como forma de sedução e fantasia sexual erótica.

Quais são os benefícios proporcionados pelo uso das lingeries de algodão?

Diversas infecções genitais que acabam causando coceira, odor desagradável e corrimento anormal podem rapidamente ser evitadas com o uso da calcinha de algodão. Isso porque o algodão ajuda a manter a vagina sempre livre da umidade em excesso, fazendo com que a região possa respirar. Diversas mulheres utilizam lingeries de diferentes materiais por causa do corte ou do design das peças, mas uma calcinha de algodão pode ser encontrada de diversos formatos e tamanhos.

Os benefícios proporcionados pelo uso desse tipo de roupa íntima fazem com que seja uma excelente escolha e seja confortável e saudável para as mulheres.

Conheça os demais benefícios proporcionados pelo uso da calcinha de algodão.

1.    Evita o surgimento de infecções

Infecções simples e que costumam surgir nas mulheres como a candidíase são comuns. Mesmo que algumas dessas infecções não tenham uma razão determinada para acontecer outras acabam sendo causadas pelo tipo de roupa íntima que é utilizada.

Como já foi dito anteriormente, as roupas apertadas ou feitas de látex ou poliéster, unidas ao calor e umidade excessiva, que abafam a região genital e incentivam a proliferação das bactérias que são responsáveis pelas infecções. S calcinhas de algodão facilitam a ventilação da vagina, reduzindo os riscos dessas infecções surgirem.

2.    Alivio das coceiras

As calcinhas fabricadas de outros materiais podem acabar causando diversas infecções e até mesmo alterar o pH íntimo, um risco que desaparece quando são utilizadas calcinhas de algodão. Para evitar que isso venha a acontecer, calças, saias e shorts que não sejam de algodão também precisam ser evitados.

Com relação às meias calças, é preciso utilizar as que possuem a parte da virilia feita em algodão.

3.    Evita o surgimento de odores

Deixar a área da vagina ventilada também é uma excelente forma de evitar o acúmulo de umidade e de odores, pois o algodão absorve bem o calor e é mais resistente quando molhado, pois pode ser esterilizado após o uso.

O uso das peças de algodão é altamente recomendado durante o verão. Para dormir, caso não possua uma roupa intimida de algodão, recomenda-se que não use nada, pois assim a área permanecerá seca e ventilada durante toda a noite.

4.    Lingerie hipoalergência

O algodão é um material hipoalergênico, aliviando desconfortos. Mas, para evitar as infecções, existem cuidados que devem ser tomados. A roupa íntima de algodão deve ser lavada com detergentes inodoros e incolores, sendo evitados amaciantes de roupas. Caso você seja sensível à tinta de tecidos, é preciso dar preferência à calcinhas brancas.

Lave sempre as calcinhas antes de utilizá-las.